09/05/2016

LIVRO…

LIVRO… 
No âmbito da comemoração do Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor, foi lançado um desafio aos alunos do 3º e 4º ano do Agrupamento: escrever um texto, em prosa ou em verso, sobre o Livro. 
Eis uma pequena amostra dos textos dos alunos. 

Apenas imaginação… 
Universo sem fronteiras… 
Vivenciar, sem viajar, só lendo… 
Porta aberta com cuidado para me levar a lindas terras onde serei o que a minha imaginação permitir! 
(Trabalho de grupo do 4ºF – Centro Escolar) 

Para mim um livro é um meio de transporte para a nossa imaginação fazendo-a viajar por mundos que mais ninguém conhece, só mesmo nós. 
É um amigo sempre disposto a ajudar-nos a esquecer as coisas más do dia-a-dia. 
É um professor que nos ensina coisas novas em cada página que lemos. Um livro não é um ser vivo, mas consegue transmitir melhor do que ninguém as mensagens que tem no seu interior. 
Ele não fala mas nós ouvimos, sentimos, vemos, viajamos, sonhámos, imaginamos, aprendemos, etc. 
Quem mais nos pode dar tudo isto? Só mesmo o livro! 
(Ana Patrícia Cerqueira do 4ºF – Centro Escolar) 

O livro serve para viajar 
Sobre mundos desconhecidos 
Poder sonhar 
Em vários sítios definidos. 

Um livro, um amigo 
Um objecto para descobrir 
Que podes levá-lo sempre contigo 
Para aprender, brincar e sorrir. 

Quando não sabes onde procurar 
Uma pequena ou grande informação 
Um livro familiar 
É sempre uma boa opção. 

Desde pequenina 
Os livros devem ser 
Companheiros de aventura 
E de descobertas no saber 

(Márcia Rita Gonçalves do 4ºF – Centro Escolar) 

Um livro para mim é imaginar que estou noutro planeta.  
É ler, imaginar. É brincar com muita imaginação. 
É ler com muita emoção e saber o que é imaginar, que estou noutro planeta sem sair do meu lugar! 
(António Silva do 4ºE – Centro Escolar) 

O livro é um mundo onde podemos sonhar. 
Ser príncipes e reis, tudo nos dá a nossa imaginação. 
Podemos andar pelo mundo todo e aprender, sem sair do nosso cadeirão. 
(Sérgio Capela do 4ºE – Centro Escolar) 

Levou-me um livro 
Não sei por onde é que andei. 
Corri o Alasca, o deserto 
Andei com o sultão no Brumei? 
P´ra falar verdade, não sei. 

Com um livro cruzei o mar 
Não sei com quem naveguei, 
Com o marinheiro, corsários 
Tremente, febres e medo? 
P´ra falar verdade não sei. 

Um livro levou-me p´ra longe 
Não sei por onde é que andei 
Por cidades devastadas 
No meio da fome e da guerra? 
P´ra falar verdade não sei. 
Levou-me um livro com ele 
Pelo mundo a passear… 
Não me perdi nem me achei 
Porque um livro é afinal… 
Um pouco de vida, bem sei. 

(Mafalda Macedo de Sousa do 4ºE – Centro Escolar) 


O livro é um conjunto de folhas impressas, protegidas po0r uma capa, de fácil transporte, onde podemos ler histórias de aventuras, romances, entre outras. 
O livro também é conhecido por monografia, para distingui-lo das outras publicações, como por exemplo das revistas. 
O autor cria o livro, onde expressa a sua imaginação ou os seus conhecimentos. 
Por sua vez, o livro é realizado por meios industriais na sua impressão e distribuição. A editora tem um papel importante de transformar os livros originais em produtos comerciais para vender. Por fim, temos o livreiro, a sua função é disponibilizar os livros editados ao público. 
Na Escola, o livro é uma boa ferramenta de trabalho, onde podemos praticar a leitura e exercitar a nossa escrita, melhorando o nosso vocabulário, sendo útil na nossa aprendizagem. 

(Rodrigo Lage Sousa do 3ºD – Centro Escolar)  

Um livro 
É um amigo 
Que contigo 
Vai viajar! 

Uma viagem 
Onde e quando 
Te apetecer 
Estar! 

A um planeta distante 
A um país ali ao lado 
A época dos dinossauros 
Ou até dos gigantes! 

Estou sozinho no quarto 
Pego no livro e abro-o. 
Logo me sinto acompanhado 
E completamente aconchegado. 

Uma leitura 
É viver uma aventura 
Ser rei, príncipe e até dragão 
Sem nenhum mal sofrer. 
(Simão do 3ºD – Centro Escolar) 



Sem comentários:

Publicar um comentário